sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Limpeza e cuidados da pele


Porque devo fazer limpeza de pele?

Foto: arquivos pessoais 

No dia a dia, usamos maquiagem, filtro solar com base e esquecemos que este procedimento se você não usar um bom demaquilante e um tônico facial todos os dias, junto com a oleosidade da pele, acaba entupindo os poros e consequentemente os cravos. Os cravos nascem por dois motivos: aumento na gordura produzida em glândulas da pele e o entupimento nos poros por onde essa gordura deveria ser liberada.
1. O processo de formação de um cravo começa dentro do folículo sebáceo, uma estrutura dentro da pele onde ficam a raiz dos pêlos e as glândulas sebáceas, que produzem a gordura natural que protege a pele do ressecamento. O pêlo pode ser fino e curto, por isso nem sempre é visível

2. A abertura desse folículo é um poro na pele que, quando entope, faz a gordura se acumular no local. Quando o poro entupido é bem largo, a gordura armazenada tem maior contato com o ar e oxida, formando uma "tampinha" preta. Esse é um cravo que geralmente não vira espinha

3. Num poro mais estreito, há menos contato da gordura com o ar, por isso não aparece o ponto preto criado pela oxidação. Por outro lado, proliferam bactérias no local que se alimentam de gordura e não gostam muito do ar. Nesse tipo de cravo é formado o chamado ponto branco, que, quando espremido, parece uma pasta de dente saindo do tubo. Geralmente, é nesse cravo que se desenvolve a espinha

por isso a importância da limpeza de pele:
A limpeza de pele é indicada, principalmente, para remoção de cravos abertos (pontos pretos) ou fechados (pontos brancos) e remoção de miliuns. Serve também para remover as células mortas e manter a pele macia e saudável.

E se você faz limpeza você prepara melhor a pele até para receber o sol do verão e o bronzeado fica mais uniforme.

Existe 2 tipos de limpeza a manual e a com aparelhos com sucção, essa é utilizada em casos moderados de cravos, o ideal é fazer uma limpeza de pele por mês e utilizar produtos .



Cuide da pele de dentro para fora e evite acne:

Omega 3: Você pode obter o ômega 3 ingerindo peixes - como salmão e sardinha -, óleo de linhaça, nozes, sementes de girassol e amêndoas. 
Selênio: o selênio não é específico para acne - ele faz bem para a pele como um todo. Alimentos fontes de selênio incluem germén de trigo, atum, salmão, alho, castanha do Brasil, ovos e arroz integral. 
Vitamina E é rica em antioxidantes e atua na regulação hormonal, evitando a acne. Fontes de vitamina C incluem laranjas, limões, mamão e acerola. Você pode obter a vitamina E a partir de batata-doce, nozes, azeite de oliva, sementes de girassol, abacate, brócolis e folhas verdes. 



Zinco: seu poder anti-inflamatório e antioxidante, esse nutriente atua na pele criando um ambiente inóspito para o crescimento das bactérias causadoras das espinhas, além de ajudar a acalmar uma pele irritada
A vitamina A possui substâncias chamadas rodoxinas, que participam ativamente da recomposição celular, além de ter poder antioxidante

Fotos: google 

O ômega 3 ingerindo peixes - como salmão e sardinha -, óleo de linhaça, nozes, sementes de girassol e amêndoas, combate o envelhecimento e melhora a circulação do organismo. 
Fuja do açúcar: Esse hormônio pega a glicose que está no sangue e coloca dentro das células, o que pode gerar inflamações, derrubar nossa imunidade e favorecer o aparecimento tanto da acne quanto de outros problemas de pele.

(fonte: nutrólogo Celso Cukier, dermatologista Daniela Hueb)


Bom final semana, até próximo post!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante e se quiser esclarecer alguma dúvida sobre tratamentos, fica vontade, estarei respondendo!